Os grandes segredos da WWE

O mundo da luta livre profissional tem alguns segredos de longa data, e apenas recentemente os fãs começaram a perceber isso.

O mundo da luta livre profissional tem alguns segredos de longa data, e apenas recentemente os fãs começaram a perceber isso. A WWE continua sendo a maior empresa de entretenimento esportivo do mundo, e seus lutadores ainda guardam muitos desses segredos.

Publicidade

Kayfabe


A palavra “kayfabe” refere-se a lutadores mantendo-se em personagens, confirmando histórias, eventos essenciais para continuar protegendo a sobrevivência a longo prazo do segmento.

A origem da palavra não é clara, alguns dizem que é uma tradução porca do latim para “be fake“, que os lutadores e outros do ramo supostamente murmuraram um para o outro, alertando-os para entrarem em seus personagens porque os fãs estavam perto.

Os lutadores não querem que os fãs conheçam tudo o que se passa nos bastidores, pois faria com que os eventos parecessem menos credíveis.

A arte de fazer as pessoas acreditarem no que veem na TV continua sendo muito importante para o negócio, embora a internet tenha tornado muito mais difícil manter esses segredos.

Nas gerações anteriores, os lutadores não podiam interagir um com o outro em público, pois queriam que os fãs acreditassem que realmente se odiavam um ao outro.

Publicidade

Blading


Na maioria dos casos, a maioria dos lutadores usam a técnica da lâmina para sangrar. O blading ocorre quando um lutador leva um golpe na cabeça e permanece caído durante um período significativo de tempo.

Enquanto ele fica lá, usa a lâmina para fazer a técnica próxima ao começo do cabelo. Essa área da testa produz uma grande quantidade de sangue sem precisar um corte profundo. Isso faz com que os fãs acreditem que ele sofreu uma lesão significativa, quando não ocorreu tal lesão.

Esteroides


Por causa da pressão imensa de certo modo, inúmeros lutadores na WWE tomaram hormônios de crescimento. Este continua sendo uma das razões para o alto número de óbitos na luta livre profissional, pois o uso de algumas substâncias pode levar a um coração alargado e pode causar morte súbita.

O presidente da WWE, Vince McMahon, disse que apenas dois dos 65 lutadores profissionais que morreram entre 1997 e 2004 trabalhavam para sua empresa na época, mas muitos já trabalharam para ele no passado. As ex-estrelas da WWE, Hulk Hogan e Jesse Ventura, admitiram o uso de certas substâncias.

Movimentos


Os lutadores configuram movimentos para que eles possam limitar os danos. Os dois lutadores trabalham juntos em uma luta para minimizar o perigo, portanto, não existe nenhuma competição real entre os dois.

Publicidade


O site WWEBrasil.com.br foi criado com a proposta de fornecer ao leitor os melhores artigos sobre pro-wrestling, em especial sobre a WWE.

Leia também