Os 5 melhores lutadores que foram vítimas da era Hulkamania

A ascensão de Hulk Hogan ofuscou grandes lutadores e impediu que eles chegassem ao topo. Confira quem foram os mais afetados pela era Hulkamania.

Quando a era Hulkamania explodiu no mundo da luta livre em 1984, ninguém sabia que isso iria revolucionar o wrestling profissional e levá-lo para o mainstream. Ela trouxe um retorno financeiro sem precedentes para Vince McMahon e a WWE, dando um rosto ao WrestleMania durante seus primeiros anos.

O que muitas pessoas não sabem ou percebem é que, como resultado do boom da Hulkamania, vários lutadores lendários nunca alcançariam seu potencial ao máximo. Eles nunca foram capazes de chegar ao topo porque a Hulkamania e seus holofotes cegaram todas suas esperanças e sonhos que eles tinham de chegar ao nível mais alto do mundo da luta livre. Fizemos uma lista com 5 lutadores lendários que Hulk Hogan e sua Hulkamania ofuscaram e com isso eles não conseguiram chegar ao topo.

Publicidade

5. The British Bulldog


Ele tinha atitude, os fãs e o físico. Ele era um espécime físico ao máximo durante os anos 80 e 90. Ele também era um lutador de poder fenomenal fazendo com que seu delayed suplex fosse uma visão incrível sempre que ele o executava, principalmente em caras maiores. Se a Hulkamania nunca tivesse acontecido, The British Bulldog teria se tornado várias vezes campeão mundial na WWE. Quando Hulk Hogan deixou a WWE em 1993, ela já olhava para Bret “The Hitman” Hart para carregar a tocha e The British Bulldog passou de um grande lutador para apenas mais um.

4. Rick Rude


“Ravishing” Rick Rude ao longo dos anos 80 teve uma grande gimmick, e os fãs adoraram odiar esse cara. Seu olhar personificava os clássicos cabelos longos e castanhos encaracolados dos anos 80, além de seu espesso bigode refletiam a moda do momento como Tom Selleck e David Hasselhoff. Seu jeito de cara mau fazia com que você quisesse pular o guard rail e socá-lo você mesmo. Ele nunca chegou ao topo na WWE devido ao fato de que Vince McMahon sempre preferiu Hulk Hogan. Sem Hogan, Roddy Piper devia ter se tornado babyface (o que aconteceu na década de 90, mas já era tarde) deixando uma vaga para um heel no topo, que poderia ter sido preenchida por Rick Rude. Nós nunca saberemos. Uma vez que ele deixou a WWE para sair da sombra de Hogan, ele foi para a wCw e tornou-se World Heavyweight Champion e um main eventer fixo, rivalizando com Sting.

Publicidade

3. Jake “The Snake” Roberts



O homem das cobras sempre foi um heel upper mid-card na WWE. Jake teve uma rivalidade intensa com o número dois da WWE, Randy Savage. Sem a Hulkamania, Savage teria sido o rosto da WWE e sua disputa com Jake Roberts seria pelo WWE Title. Quando Hulk Hogan finalmente deixou a WWE, Jake Roberts já era muito velho para ser o rosto da empresa. Ele tentou a wCw, mas, seu tempo já tinha passado.

2. Roddy Piper


Rowdy Roddy Piper passou a década de 80 sendo o vilão da Hulkamania. Se Hulk Hogan não tivesse explodido do jeito que ele fez, Piper não teria ninguém em seu caminho para se tornar o número um da WWE. Piper era incrível no microfone, e seu estilo marrento era o melhor do momento. Quando ele foi à wCw nos anos 90, ele ficou na sombra de Hogan novamente. Ele passou a maior parte de sua carreira na sombra de Hulk Hogan, seja no wrestling ou em filmes. Rowdy Roddy Piper esteve além da sombra da dúvida de que foi o maior lutador a nunca se tornar um campeão mundial.

1. Jimmy “Superfly” Snuka


Jimmy Snuka foi mais impedido pela era Hulkamania mais do que qualquer lutador e aqui está o motivo. Snuka chegou à WWE em 1982 e perdeu várias lutas por título para Bob Backlund, incluindo uma cage match que virou luta do ano pela Pro Wrestling Illustrated. Em 1983, o momento decisivo da carreira de Jimmy Snuka ocorreu durante uma cage match em que ele executou o famoso Superfly Splash do topo da steel cage.

Ele era o top face da WWE no momento, e passou 1984 em uma rivalidade com Roddy Piper. Ao mesmo tempo, nascia a Hulkamania e então quando o primeiro WrestleMania aconteceu em 1985, em vez de Jimmy “Superfly” Snuka vs. Rowdy Roddy Piper no evento principal, Snuka foi apenas o homem de canto de Hulk Hogan na luta contra Piper.

Jimmy Snuka perdeu todo seu momento, a Hulkamania havia roubado seu “trovão” e ele desapareceu da WWE por alguns anos. Quando ele finalmente voltou, nunca voltaria a recuperar seu sucesso, eventualmente sendo mais uma vítima de Undertaker no WrestleMania 7. Snuka com certeza foi a maior vítima da era Hulkamania.

Publicidade


O site WWEBrasil.com.br foi criado com a proposta de fornecer ao leitor os melhores artigos sobre pro-wrestling, em especial sobre a WWE.

Leia também