As muitas faces de Glenn Jacobs, o Kane

Glenn Jacobs, conseguiu fazer uma carreira longeva e de sucesso. Confira as gimmicks que ele interpretou antes de se tornar o Kane que todos conhecemos.

Para quem acompanha WWE há pouco tempo, Glenn Jacobs é o nome de Kane, que está no seu 23° ano de carreira como wrestler. Wrestler esse que já lutou na USWA, na Smokey Mountain Wrestling e, desde 1995, na WWE.

Claro, uma longa carreira em qualquer tipo de trabalho é feita por altos e baixos, não foi diferente no caso de Kane. Desde o pico de sua fama como Kane até os baixos como quando interpretou o dentista de Jerry Lawler, até mesmo uma versão falsa de Diesel (Kevin Nash), que foi para a rival wCw.

Publicidade

Um presente de Natal para a USWA

Kane - Christmas Creature (Monstro arvore de natal)
Algumas fotos simplesmente não precisam de legendas: Sim, isso é Kane vestido como uma árvore de Natal. Uma gimmick de uma árvore de Natal viva, e não seria a pior gimmick que ele receberia em sua carreira. Essa gimmick terminou com uma derrota para Jerry “The King” Lawler, um homem que ele encontraria alguns anos depois.

Primeiro sucesso em tag teams



Ao lado de um subestimado Al Snow, Kane foi campeão de duplas na SMW. Uma dupla que tinha uma química que faz falta nos dias de hoje. A dupla lutava sob o nome “The Dynamic Duo” e rivalizou com equipes como The Rock ‘n’ Roll Express, The Headbangers e The Thugs, que os venceram pelos cinturões.

O dentista demoníaco

Dr. Isaac Yankem DDS - Kane
Em junho de 1995, ele foi apresentado para os fãs da WWE (até então WWF) como Dr. Isaac Yankem, o dentista particular de Jerry Lawler, e logo se envolveu em uma rivalidade com Bret Hart, homem que Lawler queria se livrar com a ajuda de Yankem.



O auge de seu personagem foi quando enfrentou Bret Hart no SummerSlam 1995, apesar de ter perdido por DQ. No entanto, ao invés de ter um grande push após isso, logo virou um jobber, perdendo para várias estrelas, inclusive The Undertaker.

Falso Diesel e o Doomsday

Fake Diesel - Kane
Se os fãs achavam que a gimmick de dentista era ruim, o pior estava por vir. Em setembro de 1996, Jim Ross introduziu Rick Bognar como “Razor Ramon” e Glenn Jacobs como “Diesel” como parte de uma storyline cujo intuito era zombar a saída de Scott Hall e Kevin Nash, bem como uma tentativa de tornar Jim Ross um heel.

A ideia de Jim Ross se tornar heel não foi bem recebida pelo público e foi abandonada quase que imediatamente. E apesar dos falsos Hall e Nash receberem a oportunidade de lutar pelo WWF Tag Team Championship contra Owen Hart e The British Bulldog no pay-per-view In Your House 12, a gimmick dos dois durou apenas até o Royal Rumble 1997, onde nenhum durou muito tempo.



Após uma esquecível passagem pela WWE, Jacobs voltou para a USWA como Doomsday, sob a tutela de Dutch Mantell (Zeb Colter). Ali, Kane fez algum sucesso, enfrentando Cactus Jack pela WWC em Porto Rico, ele também derrotou Harry Del Rios pelo USWA Heavyweight Championship, título que carregaria até setembro de 1997, perdendo para Steven Dunn. Logo seria recontratado pela WWE.

Publicidade

Kane, The Big Red Monster



Esse retorno para a WWE, traria um sucesso que Jacobs nunca havia imaginado em toda sua vida. Após um debut memorável no Badd Blood 1997, onde atacou seu “irmão” The Undertaker durante uma Hell in a Cell match contra Shawn Michaels, onde fez com que Taker perdesse e começasse uma rivalidade contra Kane e seu “pai”, Paul Bearer.

Dias de hoje

Kane
Após quase dois anos como “Diretor de Operações” da The Authority, Kane retornou no pay-per-view Night Of Champions 2015 como o “demônio Kane” face, atacando Seth Rollins e Sheamus, que estava prestes a fazer cash-in em Rollins. Nas semanas seguintes, Kane apareceu tanto como “Diretor” quanto “Demônio” e continuou sua rivalidade com Rollins, vencendo-o em uma lumberjack match. Já no pay-per-view Hell in a Cell 2015, Kane quem foi derrotado por Rollins, sendo demitido de seu papel como Diretor de Operações.

Após o Hell in a Cell, Kane se reuniu com Undertaker para iniciar uma rivalidade com a Wyatt Family. No Survivor Series 2015, os Brothers of Destruction derrotaram Bray Wyatt e Luker Harper em uma tag team match.

A carreira de Kane



Claro, a carreira de Kane não foi toda de altos, tivemos muitos baixos como toda a história de Katie Vick e todos suas storylines envolvendo divas. No entanto, após anos lutando sem máscara, a WWE decidiu que ele voltasse a usá-la em 2011. Algum tempo depois, ele se juntou com Daniel Bryan como Team Hell No, que rapidamente se tornou obsoleta, dando vida e importância à divisão de duplas da WWE.

Quando Jacobs estreou como Isaac Yankem, ou quando interpretou o falso Diesel, a grande maioria dos fãs acreditava que ele nunca teria uma longa carreira na WWE, ao contrário do que aconteceu. No entanto, ninguém é contra o fato de que Kane é um futuro Hall of Famer. Afinal, Kane acumulou um total de dezesseis títulos durante sua carreira, incluindo: World Heavyweight Championship três vezes, WWF Championship uma vez e o ECW Championship uma vez, fazendo dele a primeira pessoa a vencer todos os títulos mundiais de WWE e ECW.

Além disso, ele também é duas vezes Intercontinental Champion, uma vez Hardcore Champion e dez vezes Tag Team Champion, juntamente com Undertaker, Mankind, Daniel Bryan, The Hurricane, Rob Van Dam e The Big Show. Além dos títulos, Kane também já venceu o Money in the Bank, sendo o mais rápido a fazer cash-in, além de ser um dos destaques da Royal Rumble match, com vários recordes.

Publicidade


O site WWEBrasil.com.br foi criado com a proposta de fornecer ao leitor os melhores artigos sobre pro-wrestling, em especial sobre a WWE.

Leia também

  • Leonardo Nascimento

    Olá, voltei a acompanhar a WWE, coisa que não fazia a quase 4 anos e voltei a acompanhar ao blog. Parabéns pelo artigo, sempre fui fã dos tempos pré Atitude Era (94′ em diante) até 2005 e Kane sempre foi muito interessante nesse periodo. Um dos meus wrestlers favoritos. Abraços e novamente, parabéns!